Sistema de abastecimento começa a operar, beneficiando as Cidades de Estrela e Minador

Captação é feita na barragem do Bálsamo e garante água de forma constante para as duas cidades

c9bffd5772d8f2459c5c9d8356a21d6d_l

As cidades de Estrela de Alagoas e Minador do Negrão, na região Serrana de Alagoas, já estão sendo beneficiadas por um novo sistema de abastecimento que capta água na barragem do Bálsamo, situada em Palmeira dos Índios, na divisa entre Alagoas e Pernambuco.

O novo sistema, construído pelo Governo do Estado, começou a operar de forma compartilhada há cerca de 30 dias e garante água de forma constante para as duas cidades.

Nos primeiros 90 dias de operação, no entanto, são feitos testes, identificadas as deficiências e discutidas melhorias. Foi com essa intenção que o presidente da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), Clécio Falcão, esteve na Câmara de Vereadores de Estrela de Alagoas para explicar o processo de implantação. Falcão estava acompanhado de gestores e técnicos da empresa Telesil – empresa responsável pela obra, além de membros da Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra). A pasta coordenou o trabalho de implantação do novo sistema.

Na Câmara, foram sugeridas melhorias para a captação de água bruta para a estação de tratamento de água (ETA), para a estação elevatória (EE) e para o sistema elétrico. Em seguida, todos fizeram uma visita à barragem do Bálsamo. As melhorias deverão ser efetuadas ao longo dos próximos 60 dias.

As obras já realizadas incluíram, além da estação de captação, a instalação de 11km de adutora, numa interligação com a adutora antiga que trazia água bruta da barragem de Limeira, e melhorias na ETA de Estrela de Alagoas, que atende também Minador do Negrão. O investimento foi da ordem de R$ 15 milhões.

Após passar por tratamento, a água do novo sistema beneficia 1.619 ligações em Estrela de Alagoas e 544 em Minador do Negrão, atendendo ao todo cerca de 20 mil pessoas.

Diego Barros – Agência AL

02/11/16

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *