População organiza protesto contra o aumento da passagem


Nesta terça (08), entidades e organizações se reuniram e marcaram para a próxima sexta-feira (11) o primeiro ato público contra o aumento da tarifa do transporte público de Maceió. A manifestação ocorrerá na porta da SMTT, no bairro do Tabuleiro dos Martins, a partir das 8h da manhã.

As empresas de ônibus apresentaram proposta de aumentar a passagem para R$ 4,15, um reajuste de 13,7%. A justificativa da proposta é a concorrência com o transporte alternativo e o preço do combustível.

O Comitê contra o Aumento da Passagem protocolou junto a Prefeitura um documento solicitando a redução do valor da tarifa do ônibus. As entidades pedem que o preço da passagem seja reduzido de R$ 3,65 para R$ 3,15, uma diminuição de 13,7%, o mesmo percentual de reajuste que os empresários pedem.

Entre as reivindicações do grupo está: a redução no valor das tarifas, transparência na planilha financeira das empresas de ônibus e renovação da frota dos transportes.

A próxima reunião contra o aumento da passagem está marcada para o dia 15/01 (terça-feira), às 17h30 no Espaço Cultural, na Praça Sinimbu.