PESQUISA: Covid-19 mata mais homens que mulheres, mas por quê?

Um estudo realizado por cientistas da Universidade de Yale, no estado de Connecticut (EUA), indicou o principal motivo pelo qual a covid-19 é mais mortal para homens do que para mulheres, especialmente para aqueles de idade mais avançada.

Antes, achava-se que os homens são mais vulneráveis por terem mais receptores ACE2 do que as mulheres. É por meio desses receptores que o novo coronavírus infecta as células do corpo humano.

Agora, foi descoberto que a resposta para essa pergunta tem a ver com um sistema imunológico mais ou menos preparado para lidar com a doença.

Como a pesquisa foi realizada

O estudo foi realizado com 17 homens e 22 mulheres que foram internados logo após serem infectados pelo vírus. Os pesquisadores fizeram a coleta e análise de amostras de vários materiais biológicos, entre três a sete dias, durante todo o tratamento, para a comparação das respostas imunológicas entre os dois sexos. Era exigido ainda que esses pacientes não necessitassem de respiradores ou medicamentos que alterassem o funcionamento de seus sistemas imunológicos.

Outros pacientes que não obedeciam a esses critérios também foram inseridos no estudo, desde que todos eles tivessem mais de 60 anos de idade, assim como os pacientes anteriores.

No final do experimento, os cientistas concluíram que as mulheres conseguem lidar melhor com a covid-19 porque seus organismos produzem mais células do tipo T que os homens. Essas células são o principal agente que combate o coronavírus no sistema imunológico dos humanos, e são de extrema importância, tanto para prevenir reinfecções quanto para impedir sua evolução.

O estudo ainda pôde comprovar que, quanto mais velho é o homem infectado, menos chances ele tem de sobreviver à covid-19, já que, com o passar do tempo, os homens diminuem a produção de células do tipo T.

Enquanto isso, mulheres continuam produzindo essas células por muito tempo ainda após os 60 anos.

O estudo não conseguiu determinar porque há essa diferença de produção de células do tipo T entre homens e mulheres, mas supõe-se que tenha a ver com a condição de maternidade.

 

TECMUNDO




Botão Voltar ao topo