NA CAPITAL: MP pede esclarecimentos quanto à realização das festas de Réveillon

O Ministério Público do Estado de Alagoas (MPAL) pediu esclarecimentos às Secretarias de Turismo de Maceió e do Estado, quanto à realização ou não das festividades de Réveillon na capital. Além disso, as empresas que costumam realizar eventos neste período do ano também vão receber ofício do órgão. A decisão foi publicada nesta quinta-feira (26), no Diário Oficial Eletrônico (DOE).

Tendo em vista a pandemia de Covid-19, o MPAL considerou que é necessário que as gestões informem sobre a realização das festividades, para que um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) seja confeccionado pelo órgão ministerial, buscando garantir a segurança das festividades.

As empresas da iniciativa privada, tais como Celebration, Allure e Café de La Music, que, também realizam festas de Réveillon em Maceió, deverão prestar esclarecimentos ao órgão. Tanto a gestão pública quanto a iniciativa privada terão um prazo de 5 dias para informar ao MPAL se irão promover ou não os eventos.




Botão Voltar ao topo