MARCO! Ronda no Bairro completa três anos de atuação e consolida filosofia do policiamento de proximidade

Programa conquistou a confiança da população e colhe excelentes resultados desde janeiro de 2018

Três anos se passaram desde que o Programa Ronda no Bairro começou a atuar em áreas comerciais de oito bairros de Maceió. Desde então, a nova forma de fazer segurança pública idealizada pelo Governo de Alagoas em janeiro de 2018 tem sido reconhecida e aprovada pela população, rendendo excelentes resultados para a segurança e para a qualidade de vida de comerciantes, moradores, turistas e trabalhadores das regiões onde atua.

O programa, que teve início no Jacintinho, hoje se estende às áreas comerciais do Centro e da orla marítima da capital alagoana, contribuindo para a redução dos índices de criminalidade registrados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) nestas localidades. Dentre os marcos considerados históricos estão a redução de 70% no número de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVPs) nos territórios do programa e a drástica redução nos índices de assalto a coletivos.

Para a professora paulista Iracema Soares, que passa férias em Maceió, o policiamento de proximidade exercido pelo Ronda no Bairro é algo inovador. “Eu fiquei surpresa com a educação e a receptividade que recebi dos policiais. Como achei diferente o uniforme, quis entender melhor como o programa funcionava e eles foram super didáticos e me explicaram muito bem. Eu realmente estou encantada! Viajo muito e nunca vi nada parecido nas outras cidades, me sinto segura porque eu os vejo em toda parte aqui da orla”, comemorou.

O que também chama a atenção da população é o trabalho em conjunto realizado pelos agentes de proximidade e a equipe de Articulação e Mobilização Social do programa, composta por psicólogas e assistentes sociais. Desde o dia 4 de janeiro de 2018, essas profissionais realizaram 873 atendimentos a pessoas em situação de vulnerabilidade social, o que gerou encaminhamentos dos mais diversos e diretos à Rede de Atenção Psicossocial (RAPS).

E não para por aí, a equipe social também desenvolve projetos e atividades de cunho cultural, como a organização de aulas gratuitas para crianças e adolescentes do Jacintinho e com a “Oficina de Inclusão Produtiva” com as mães dessas mesmas crianças. Além disso, organiza e realiza o projeto “Ronda no Bairro Cultural” em praças e mirantes das áreas comerciais dos territórios atendidos, onde a grande atração é a banda música do programa.

“O Ronda no Bairro vem cumprindo seus objetivos e tornando as pessoas cada vez mais próximas dos agentes de segurança pública, as ações sociais são de fundamental importância para a consolidação da filosofia de proximidade do programa. O governador Renan Filho, com sua visão arrojada, sempre foi o maior entusiasta do programa. Aproveito para parabenizar todos os agentes de proximidade e colaboradores do corpo administrativo pela dedicação e competência”, afirmou o superintendente do Ronda no Bairro, coronel Cícero Silva.

INTEGRAÇÃO

Sob a responsabilidade das secretarias de Estado da Segurança Pública (SSP) e de Prevenção à Violência (SEPREV), a população está na expectativa que o programa alcance novas áreas comerciais de outros bairros tanto da capital como também de outros municípios. “O Ronda no Bairro é peça fundamental na nossas estatégia de combate ao crime em Maceió. Além do grande trabalho na orla marítima, Centro e Jacintinho, os agentes também atuam de forma integrada com as demais forças policiais no combate aos assaltos a ônibus, que mês a mês te tido resultados expressivos de redução. Parabenizo a todos os integrantes do Ronda pelo excelente trabalho que vem sendo feito e tenho certeza que a expansão da atuação para outros bairros terá o mesmo sucesso e importância que tivemos até agora”, disse o secretário da Segurança Pública, coronel Lima Júnior.

Para Esvalda Bittencourt, secretária de Prevenção à Violência, o programa tornou-se um marco. “O Ronda no Bairro completa três anos e já é referência para o Brasil por sua metodologia diferenciada, com destaque para a equipe operacional que atua de forma humanizada e para a equipe social, que tem um olhar especial para quem mais precisa. Tudo isto fez com que o programa fosse bem aceito e abraçado pela população”, concluiu. 

FUNCIONAMENTO

O Programa Ronda no Bairro atua em perímetros delimitados com patrulhas compostas por um militar da reserva e um da ativa pertencentes à Polícia Militar de Alagoas e/ou ao Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas, além de um civil egresso das Forças Armadas. Estes, por sua vez, atuam nas modalidades a pé, carro, moto e bicicleta; e têm como pilares de serviço a segurança de proximidade, a abordagem social e comunitária, a atenção à população em situação de vulnerabilidade social e a articulação para requalificação de espaços de convivência mútua degradados.

Além das abordagens de proximidade realizadas pelas patrulhas, o programa possui uma equipe de Articulação e Mobilização Social com




Botão Voltar ao topo