HGE registra 550 atendimentos no fim de semana; quase 30% motivados por acidentes

O Hospital Geral do Estado (HGE) registrou o atendimento a 154 vítimas de acidentes durante o último fim de semana. O quantitativo representa quase 30% dos atendimentos notificados pela maior unidade de urgência e emergência de Alagoas, já que foram 550, somados às assistências prestadas na Central de Triagem localizada no Ginásio do Sesi.

Entre as vítimas de acidentes atendidas, estão 96 por motivos casuais, 51 no trânsito e sete no trabalho. Detalhando os casos de acidentes de trânsito, 24 envolveram motociclistas, 18 colisões, cinco pedestres (atropelamento) e quatro ciclistas. Ainda foram acolhidas 16 pessoas que foram alvos de agressões, sendo oito por arma branca, sete após luta corporal e um através de arma de fogo.

Os casos clínicos continuam como maioria. Foram 294 na sede do HGE e mais 84 na Central de Triagem montada no Ginásio do Sesi, onde 56 cidadãos apresentaram perfil para o teste rápido que detecta anticorpos contra a Covid-19, porém quatro confirmaram o contágio.

“Ainda tivemos, no domingo, uma vítima de afogamento e outra ferida por queimadura. Concedemos 326 altas com as orientações para a continuidade dos cuidados em casa, 70 internações e realizamos 29 cirurgias e 23 transferências para outras unidades de saúde”, acrescentou o gerente do HGE, Paulo Teixeira.

Sexta-feira: Na véspera do fim de semana, o HGE e a Central de Triagem registrou 336 atendimentos, sendo 271 casos clínicos, 62 acidentes (47 casuais, 11 de trânsito e quatro de trabalho), duas agressões e uma tentativa de suicídio. Das 47 pessoas submetidas ao teste rápido que detecta a contaminação com o novo coronavírus, 44 receberam o resultado negativo.




Botão Voltar ao topo