Governo de Alagoas já distribuiu mais de 14 milhões de unidades de EPIs durante a pandemia

É fato reconhecido nacionalmente: o Governo de Alagoas foi e continua sendo exemplo na gestão da crise sanitária provocada pela Covid-19. Os números e as estatísticas positivas comprovam. Entre tantos aspectos graves relacionados à pandemia, o Executivo estadual não poupou esforços para, além de orientar e atender à população alagoana com responsabilidade e competência, tornar a aplicação dos recursos disponível e transparente.

Na última quarta-feira (14), o site www.alagoascontraocoronavirus.al.gov.br trouxe a publicação de mais um Boletim de Distribuição de EPIs – Equipamentos de Proteção Individual. O documento emitido pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informa que, entre 18 de março e 14 de outubro, o Governo do Estado distribuiu mais de 14 milhões de unidades de EPIs. Mais precisamente: 14.276.020 itens, entre luvas, toucas, óculos de proteção, aventais, sapatilhas, máscaras e álcool líquido e em gel.

A distribuição estratégica dos EPIs atendeu às necessidades das unidades de saúde da Sesau e da Uncisal (Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas), da rede hospitalar e pré-hospitalar e dos agentes de Segurança Pública, entre outros.

Numa corrida sem precedentes contra o tempo – e contra um vírus – para salvar o maior número possível de vidas, as medidas adotadas e os investimentos realizados pelo Governo do Estado em infraestrutura e recursos humanos foram eficazes. Enquanto inúmeros países no mundo e diversos estados do Brasil sofreram com a escassez de insumos no mercado global, o Estado de Alagoas foi previdente, se antecipou à demanda crescente e garantiu a proteção e a segurança dos profissionais de saúde.

Transparência – A transparência e a publicidade dos investimentos da gestão pública estão, além de no site alagoascontraocoronavirus.al.gov.br, disponíveis no link transparencia.al.gov.br/despesa/covid19/ que pode ser acessado na página de abertura do Portal da Transparência Graciliano Ramos.

Como resultado, Alagoas foi avaliada por um instituto internacional no início do mês de setembro como o estado mais transparente do Brasil em relação à publicação de informações sobre a Covid-19. A gestão obteve pontuação máxima no ranking da ONG Transparência Internacional Brasil, que analisa a transparência no uso dos recursos emergenciais para o combate à pandemia do novo coronavírus.




Botão Voltar ao topo