Google é multado em € 1,5 bi por bloqueio de anúncios

O Google foi multado em € 1,49 bilhão hoje (20) por bloquear anúncios de busca online de rivais, a terceira multa antitruste da União Europeia aos negócios da Alphabet em apenas dois anos.

A Comissão Europeia, segundo a qual a multa corresponde a 1,29% do volume de negócios do Google em 2018, afirmou em comunicado que as práticas anticompetitivas duraram uma década.

“O Google consolidou seu domínio em anúncios de busca online e protegeu-se da pressão competitiva ao impor restrições contratuais anticompetitivas em sites de terceiros”, disse Margrethe Vestager, comissária de questões concorrenciais da UE.

O caso envolve sites, como de jornais ou viagens, com uma função de busca que produz resultados e anúncios ligados a pesquisas. O AdSense para buscas do Google forneceu esses anúncios, revela o MSN.

A má conduta incluiu impedir editores de colocar anúncios de busca de concorrentes nas suas páginas de resultados, forçando-os a reservar o espaço mais lucrativo nas suas páginas de resultados e a solicitar a aprovação por escrito do Google antes de fazer mudanças na maneira como os anúncios de rivais eram exibidos.

O Google agora está tentando seguir a ordem para garantir um nível igualitário com propostas para impulsionar os rivais de comparação de preços, pedindo aos usuários de Android para escolher seus navegadores e ferramentas de pesquisa favoritas. Os críticos, no entanto, ainda não estão felizes.

“Sempre concordamos que mercados saudáveis e prósperos são do interesse de todos. Já realizamos diversas mudanças em nossos produtos para atender às preocupações da Comissão. Nos próximos meses, faremos outras atualizações para dar mais visibilidade a concorrentes na Europa”, disse Kent Walker, vice-presidente sênior de Assuntos Globais.

21/03/2019

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *