BALANÇO: HGE registra 311 atendimentos no feriado maceioense de Nossa Senhora dos Prazeres

O dia de Nossa Senhora dos Prazeres, padroeira de Maceió, celebrado pela Igreja Católica na quinta-feira (27), foi de pouco movimento no Hospital Geral do Estado (HGE). Foram 311 pessoas que buscaram atendimento na maior unidade de urgência e emergência de Alagoas, sendo a maioria das motivações relacionada a doenças crônicas.

As áreas Vermelha Clínica, Azul e pediatria acolheram 196 casos clínicos, enquanto a Vermelha Trauma recebeu 59 envolvidos em acidentes (35 casuais, 18 de trânsito e 6 de trabalho), nove alvos de agressões e três feridos por queimadura. Nos centros cirúrgicos foram atendidos 24 pacientes, entre quadros mais e menos urgentes.

“Ainda orientamos 199 pacientes para continuar com os cuidados em casa, com auxílio da Atenção Primária de seu município de origem. Precisaram ser internados 55 pacientes e outros 25 conseguimos transferir para os hospitais conveniados ao Sistema Único de Saúde [SUS]. Ou seja, no HGE não existe feriado, nossa missão é melhor assistir no momento que o cidadão precisa”, pontuou o gerente do HGE, Paulo Teixeira.

Na Central de Triagem estruturada no Ginásio do Sesi, foram registrados 44 atendimentos, sendo 36 com perfil para submissão ao teste rápido da Covid-19 (três confirmaram a contaminação). E, conforme o relatório de ocupação diária da Secretaria de Estado da Saúde (SUS), somente 15% dos leitos exclusivos para Covid-19 no HGE estiveram ocupados no feriado maceioense.

Quarta-feira – O HGE registrou 333 atendimentos, sendo 271 em sua sede e mais 62 no Ginásio do Sesi. Ao todo, foram 264 casos clínicos, 63 acidentes, três notificações por agressão, um ferido por queimadura e uma tentativa de suicídio. Entre os 45 pacientes, na Central de Triagem, que apresentaram perfil para o teste rápido da Covid-19, 38 descartaram o contágio. Também foram concedidas 198 altas médicas, efetuadas 51 internações, transferidos 29 pacientes e realizadas 20 cirurgias.




Botão Voltar ao topo