Vereadores comparecem a inauguração de espaço Procom para atender consumidores superendividados

A última atividade política da semana antes da volta do recesso da Câmara de Vereadores foi marcada pela esperança de dias melhores para pessoas com dívidas acima de sua condição financeira, os “superendividados”. Ao lado do prefeito JHC (PSB) e do senador Rodrigo Cunha (PSDB), relator da Lei do Nome Limpo, o presidente Galba Netto (MDB) destacou a importância social da medida durante inauguração do Núcleo de Apoio ao Superendividado (NAS), no bairro do Barro Duro.

Ex-diretor do Procom-AL estadual,  o presidente da Mesa Diretora e vereador lembrou que contribuiu para sua estruturação e do quanto é importante existir ações que ajudem a mediar relações de consumo, em especial num momento de crise gerada pela pandemia de Covid-19. De acordo com os números 819 mil alagoanos estão endividados gerando um montante de R$ 3,07 milhões, sendo a maioria com até quatro dívidas.

“Toda as situações que vivemos no dia-a-dia nos leva a consumir e em algumas dessas situações deslizes acontecem. Precisamos desses órgãos importantes que defendam e brigam pelo direito do consumidor. Desejo que o Procom Maceió cada dia se fortaleça mais para que consiga refletir a luta pelo cidadão consumidor maceioense”, disse Galba que reconheceu o esforço do senador Rodrigo Cunha para efetivação dessa nova legislação.

O NAS funcionará no prédio da Universidade Mário Jucá (UMJ) e será uma referência para o antedimento aos consumidores. Na próxima segunda-feira atenderá das 8h às 13h. No Centro de Maceió ocorrerá o “Mutirão Nome Limpo” que reunirá bancos, financeiras, lojas de varejo, operadoras de cartão de crédito e de telefonia, além de concessionárias de serviços públicos como de energia elétrica. Lá serão oferecidos descontos e meios facilitados para a negociação de dívidas.

Rodrigo Cunha lembrou da articulação política feita em Brasília para que a lei que beneficia superendividados voltasse a tramitar após uma década parada na Câmara dos Deputados. Conforme relatou, o problema que nasce de dificuldades financeiras afeta de modo integral as famílias, incluindo a saúde mental.

“É fundamental dizer que ao renegociarem suas dívidas e popularmente ‘limparem seus nomes’, estas pessoas vão voltar a ter crédito no mercado e condições de melhor planejamento financeiro. Tenho certeza de que a partir da próxima semana as pessoas entrarão aqui com problemas e abatidas, mas sairão com uma esperança de retomar o controle financeiro de suas dívidas”, enfatizou o senador.

Para o prefeito JHC a ação articulada pelo Procom Municipal tem total apoio da gestão porque é sabido que a pandemia afetou muita gente e piorou a situação daquelas que já vinham com dívidas antes do período. “Vamos juntar todos a mesa, quem deve e os credores, para que possam conversar e encontrar soluções. O ideal é que possamos até ensinar a educação financeira para que as pessoas não caiam nessas armadilhas e até impactem o ceio familiar por conta de dívidas. Aqui queremos cuidar do bem estar das pessoas e promover políticas públicas que possam ser cuidadosas”, definiu o prefeito.

Além do presidente Galb,a compareceram à solenidade os vereadores Cléber Costa (PSB), a 2° vice-presidente Gaby Ronalsa (DEM), Alan Balbino (Podemos) e João Catunda (PSC).

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo