TRÂNSITO: Detran reforça operação Lei Seca e recomenda maior atenção durante feriadão

Fiscalização ocorrerá em pontos estratégicos com o objetivo de diminuir os riscos de acidentes

Por conta do feriado do Dia de Finados, muitos condutores devem pegar a estrada já nesta sexta-feira (30) para aproveitar os dias de folga com a família e amigos. As longas viagens pedem que o cuidado no trânsito seja redobrado, por isso o Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL), que reforçará a operação Lei Seca nesses quatro dias, dá orientações aos condutores e passageiros.

É necessário estar atento tanto na ida quanto na volta, e a prevenção começa desde antes de sair de casa. O órgão recomenda fazer uma revisão no veículo para verificar se está tudo em ordem com os pneus, a água do radiador, óleo, bateria e freios.

Também é importante estar descansado para dirigir com tranquilidade, paciência e evitar a fadiga e sono durante o percurso. A maioria dos acidentes é causada pela imprudência dos motoristas. Respeitar a sinalização, as leis de trânsito, os limites de velocidade da via e manter distância segura em relação ao veículo da frente podem salvar vidas.

Além disso, a atenção com as crianças no veículo é fundamental. Esteja atento ao uso correto dos dispositivos de segurança, como assento de elevação, bebê conforto e a cadeirinha, e lembre-se que as crianças só podem ser transportadas no banco da frente a partir dos dez anos de idade.

Lei Seca

Para contribuir com um feriadão seguro, coibindo a mistura de álcool e direção e fiscalizando as condutas no trânsito, a operação Lei Seca, política pública coordenada pelo Detran, será intensificada nesses dias. A fiscalização ocorrerá em pontos estratégicos da capital, como as saídas da cidade, que concentram uma grande quantidade de veículos.

A operação atuará para minimizar os riscos de acidentes, mas o Detran reforça que é necessária a contribuição de todos. Seguindo essas e outras orientações de segurança, a viagem será tranquila e com menos riscos.




Botão Voltar ao topo