Teca Nelma: “Vitória das lactantes na imunização contra a Covid”

A vereadora Teca Nelma comemorou a sanção da lei nacional que inclui mães lactantes entre os grupos prioritários do Plano Nacional de Imunização. A lei 2.112/2021, publicada em Diário Oficial nesta quinta-feira (29), garante a vacinação de lactantes, com ou sem comorbidades, e sem limitar a idade dos bebês. “Estou feliz pela sanção a nível nacional. Sou autora de um projeto de lei semelhante aqui em Maceió, por entender a importância da prioridade a essas mulheres. Muita gente chegou a dizer que o meu Projeto era inconstitucional e esta é a maior prova de que nunca foi”, destacou a vereadora.

Em Maceió, a vereadora Teca Nelma já havia iniciado a discussão legislativa sobre a inclusão deste público entre as prioridades de vacinação. Em conjunto com o movimento Lactantes Pela Vacina de Alagoas, a vereadora protocolou uma indicação e um projeto de lei com o objetivo de garantir a imunização dessas mães. O projeto foi aprovado por unanimidade na Câmara Municipal de Maceió e aguarda a sanção do Executivo.

Teca Nelma teve diversas reuniões com a Secretaria Municipal e Estadual de Saúde e o próprio prefeito JHC para solicitar apoio nesta luta, já que mais de 10 estados brasileiros já haviam incorporado mães lactantes na prioridade para a imunização, a exemplo do Estado da Bahia e do Rio de Janeiro. “Parabenizo muito o movimento Lactantes pela Vacina por terem se mantido firme nessa luta, que eu tive o prazer de contribuir. Agora, finalmente, as mães lactantes terão esse direito e garantirão mais um passo importante na multiplicação da imunização”, finalizou Teca

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo