Se Real eliminar PSG, Neymar se distanciará da Bola de Ouro

O ano mal começou e a disputa pelo título de melhor jogador da temporada já está em evidência. Pode parecer cedo para qualquer palpite, mas há um dado inquestionável: a história mostra que a hegemonia dessa honraria a Messi e Cristiano Ronaldo nos últimos dez anos se deu principalmente em razão do desempenho deles e de seus respectivos clubes na Liga dos Campeões. Resumindo: se o PSG não der o troco no Real Madrid, em 6 de março, e acabar eliminado da competição, muito provavelmente Neymar vai ter de adiar por mais um ano o sonho de ser eleito o melhor do mundo.

Em jogo emocionante nesta quarta (14), em Madri, Neymar não conseguiu superar Cristiano Ronaldo no duelo particular entre os dois craques e o Real venceu por 3 a 1. Agora, para tentar uma vaga nas quartas de final da Liga dos Campeões, o PSG vai ter de ganhar por no mínimo dois gols de diferença em Paris – missão difícil, afirma o Terra.

Desde 2007-2008, Cristiano Ronaldo e Messi foram os únicos contemplados com os prêmios Fifa e Bola de Ouro. Isso está relacionado diretamente à campanha de Manchester United (onde Cristiano Ronaldo jogava em 2008), Real Madrid e Barcelona na Liga dos Campeões. Nesse período, o Barça e Real conquistaram três vezes o título da competição, e o Manchester, uma.

Nessas oportunidades, a dupla subiu ao topo do pódio para receber a bola de ouro – Messi, nas três edições em que o Barcelona foi campeão, e Cristiano Ronaldo, nas três vezes em que o Real chegou em primeiro lugar e no ano do título do Manchester United.

Messi recebeu o troféu de melhor jogador do planeta ainda por mais duas vezes: em 2010 e 2012. Em ambas, o Barcelona avançou até a fase semifinal da Liga. Isso também ocorreu com Cristiano Ronaldo em 2013, quando o Real ficou em terceiro lugar.

Portanto, a tradição dos prêmios Bola de Ouro e Fifa – que eram desmembrados até 2009-2010, quando foram então unificados, e voltaram a se separar em 2015-2016 – demonstra que quem não alcança as semifinais da Liga fica fora da disputa de melhor do ano.

15/02/2018

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *