Programação cultural apresenta Alagoas na Casa Brasil, nas Olimpíadas

Pocket show do Wado e iguarias da culinária alagoana preparadas pelos chefs Jonatas Moreira, Wanderson Medeiros e Sergio Jucá são algumas das atrações

Atrações turísticas de Alagoas serão divulgadas pelo Governo do Estado na Casa Brasil, neste sábado, 13. Tom Alves
Atrações turísticas de Alagoas serão divulgadas pelo Governo do Estado na Casa Brasil, neste sábado, 13. Tom Alves

Enquanto as Olimpíadas atraem os olhares da imprensa internacional para o Brasil, os destinos turísticos aproveitam para divulgar seus atrativos. Neste contexto, o Governo do Estado e a Prefeitura de Maceió realizam na Casa Brasil, neste sábado, 13, o evento Uma escala em Alagoas. A exposição será no Pier Mauá, região portuária do Rio de Janeiro.

Aberto ao público em geral, o evento terá um momento destinado aos jornalistas convidados, para realização do tradicional meeting com a imprensa e de uma pré-inscrição para press trips – viagens realizadas para divulgação de determinados temas, nesse caso com foco no turismo do Estado.

“Nossa programação na Casa Brasil é estratégica para a promoção turística de Alagoas. Para nos destacar, preparamos um grande evento, com nomes que projetam Alagoas para fora do Estado e do País”, explicou o secretário estadual do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Helder Lima.

A gastronomia alagoana será representada pelos chefs Jonatas Moreira, Sergio Jucá e Wanderson Medeiros, responsáveis por um cardápio de iguarias da culinária alagoana, preparadas com toque contemporâneo, que será servido durante o evento.

Além disso, um pocket show do cantor e compositor Wado completa a programação. O humorista Ed Gama falará sobre os atrativos turísticos do Estado, com projeções de imagens deslumbrantes de Alagoas.

“Depois da copa, em 2014, ultrapassamos a marca de 6 milhões de visitantes estrangeiros anuais. Agora temos uma chance de potencializar essa visibilidade mais uma vez durante o evento mais assistido no mundo, que são os Jogos Olímpicos”, ressalta o secretário municipal de Promoção do Turismo, Jair Galvão.

Casa Brasil

Projetada para ser a vitrine do país durante os Jogos Olímpicos Rio 2016, a Casa Brasil oferece uma experiência interativa, reunindo cultura, turismo, esporte e negócios. O espaço propõe uma experiência interativa de estar nos principais pontos turísticos do país.

Com entrada gratuita, a Casa Brasil conta com uma programação ao longo de 45 dias de atividades entre shows e eventos culturais, programas de saúde e bem-estar, conferências internacionais, encontros de negócios, seminários, além das atrações permanentes.

Mobilização da imprensa

Dados divulgados pelo Comitê Rio 2016 revelam que 26 mil profissionais da imprensa estão credenciados para participar da cobertura das Olimpíadas. Desses, 20 mil são técnicos e jornalistas de TV e seis mil jornalistas da imprensa escrita.

Com audiência total estimada de cinco bilhões de pessoas em todo o mundo, os cinco países com mais jornalistas credenciados na Rio 2016 são: Brasil, EUA, Alemanha, Japão e China.

Camila Fróis e Morena Melo – Agência Alagoas

Artigos relacionados