Prefeitura recolhe mais de 20 mil toneladas de resíduos por mês em pontos crônicos

O descarte irregular de resíduos pode provocar o entupimento de galerias, alagamento de vias públicas, além da proliferação de roedores e insetos transmissores de doenças. Apesar de existirem locais específicos para o descarte, a ação irregular é recorrente por parte de população, e acarreta na formação de pontos crônicos de resíduos.

A Prefeitura de Maceió, por meio da Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), realiza diariamente a limpeza nestes pontos, de forma manual e mecanizada, com o auxílio de pá carregadeira e caçambas. Mais de 20 mil toneladas de resíduos são recolhidos mensalmente só nos pontos crônicos na capital.

Titular da Sudes, Gustavo Acioli Torres explica que o maior desafio para acabar com os pontos crônicos é a falta de colaboração da população.

“Além da coleta domiciliar, as equipes realizam o trabalho diário de limpeza nesses pontos. No entanto, a população volta a descartar irregularmente os resíduos no mesmo local, gerando toneladas em menos de 24 horas. A limpeza urbana é um compromisso do poder público, no entanto deve haver a colaboração do cidadão. É uma responsabilidade de todos”, afirma Torres.

Na parte alta da capital, a limpeza destes pontos crônicos é realizada três vezes por semana, e só nesta semana foram recolhidos cerca de duas mil toneladas de resíduos provenientes de descarte irregular. Os materiais encontrados vão de resíduos domiciliares a entulhos. No entanto, na região existem três Ecopontos, que são os locais corretos para destinação de resíduos especiais, como resto de construção civil (até um metro cúbico por gerador), volumosos, poda de árvores e inservíveis.

De acordo com o Código Municipal de Limpeza Urbana, o descarte irregular é passível de multas que variam de R$ 120 a R$ 30 mil, de acordo com a gravidade. Para denúncias de descarte irregular e solicitações de limpeza, o cidadão deve ligar diretamente nos canais da Central de Monitoramento da Sudes, que atende pelo 0800 082 2600 e pelo WhatsApp 988024834.

Confira os endereços dos Ecopontos:

Ecoponto Santa Maria
Avenida Lourival Melo Mota, Conjunto Santa Maria, s/n – Cidade Universitária
Ecoponto Tabuleiro
Rua Botafogo, por trás do Posto de Saúde Dr. Ib Gatto Falcão
Ecoponto Pajuçara
Rua Luiz Campos Teixeira, nº 476
Ecoponto Santa Lúcia
Av. Oswaldo Ramos, nº712 – Jardim Petrópolis
Ecoponto Dique Estrada
Av. Governador Teobaldo Barbosa – Vergel do Lago




Botão Voltar ao topo
Fechar