Operação deixa dois mortos e três presos em Alagoas

Uma operação policial nos municípios de Porto Calvo e Maragogi deixou duas pessoas mortas e três foram presas nesta sexta-feira (12). A informação é da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).

A Operação Bigato foi realizada para cumprir 5 mandados de prisão e 4 de busca e apreensão, expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital. O objetivo era desarticular uma organização criminosa envolvida com tráfico de drogas e outros crimes.

Os suspeitos identificados como Sebastião dos Santos, conhecido como “Té”, e José Marcos Silva dos Santos, o “Branco” foram mortos. Segundo a SSP, eles reagiram à abordagem policial, dando início a um tiroteio.

Sebastião foi localizado no povoado Muruim, em Maragogi, com ele, foram encontrados duas espingardas calibre 32 e um revólver calibre 38. Já Branco estava na sua casa em Porto Calvo, onde foi apreendido um carro de modelo Vectra, 400 gramas de maconha, um revólver calibre 38, três cartuchos de munições deflagradas e outras três pinadas.

Outras duas pessoas, um homem e uma mulher, foram presas em Maragogi. Com elas, foram apreendidos cerca de 500 gramas de maconha e uma balança de precisão. Eles foram levados para a delegacia. Um outro homem preso foi levado para a Delegacia Regional de Matriz do Camaragibe.

Participaram da operação a Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (Dnarc), o 6º Batalhão da Polícia Militar e o Batalhão de Operações Especiais (Bope).