Mutirão no Mercado do Jacintinho recolhe 18 toneladas de lixo e melhora rede de esgoto

Cerca de 300 comerciantes que atuam no local serão beneficiados

Espaço recebeu lavagem, desinfecção, recolhimento de entulhos e outros serviços. / Fotos: Victor Vercant

O primeiro mutirão mensal de limpeza e higienização foi realizado nesta segunda-feira (3) no Mercado do Jacintinho. As ações se estenderam também para a Feirinha do bairro. Os dois espaços receberam lavagem e desinfecção. Houve, ainda, recolhimento de entulhos, limpeza de galerias de dejetos e pequenas obras de reparos.

Foram coletadas 18 toneladas de resíduos dentro e no entorno, varridos e lavados cerca de dois mil metros quadrados de área e um total de 1700 metros de calçada receberam capinação, pintura de meio-fio e limpeza.

Também foram esvaziados cerca de 150 metros de rede de esgoto, recuperadas dez caixas de passagem e feita a reposição de oito placas de concreto. Duas fossas também foram esgotadas.

O serviço começou às 8h, com o trabalho de mais de 50 servidores, e só terminou no fim da tarde, promovendo melhorias aos cerca de 300 comerciantes que atuam nos dois locais e a milhares de consumidores que passam por lá todos os dias.

A partir deste mês, os mutirões serão permanentes e ocorrem semanalmente em um sistema de rodízio que inclui quatro mercados.

Além do Jacintinho, serão beneficiados os mercados da Produção, Tabuleiro do Martins e Benedito Bentes. Confira o calendário:

  • Domingo (9) e segunda-feira (10), Mercado da Produção
  • Segunda (17) e terça-feira (18), Mercado e Feirinha do Tabuleiro
  • Segunda-feira (24), Mercado do Benedito Bentes

O trabalho é coordenado pela Secretaria Municipal de Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes) com a coordenação executiva do Gabinete do Prefeito, e tem a participação das Secretarias de Infraestrutura (Seminfra), Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Assistência Social (Semas) e Iluminação (Sima), além da Vigilância Sanitária.

“Esses equipamentos estavam absolutamente abandonados e, agora, a Prefeitura está direcionando uma nova visão a eles, fazendo um grande trabalho que irá promover a segurança sanitária desses ambientes”, destacou o secretário executivo do Gabinete do Prefeito, Claydson Moura.

A Semtabes também irá iniciar o recadastramento dos permissionários, e as bancas que estiverem em desuso serão repassadas para novos comerciantes. Outra medida adotada é a exigência de lixeiras em cada estabelecimento, que devem ter no mínimo 60 litros e no máximo 100 litros para evitar a destinação de resíduos para as galerias.

Simultaneamente, a pasta vai ampliar o número de profissionais para a limpeza diária dos mercados, voltados especialmente para corredores e banheiros.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo