Marx Beltrão critica aumento na tarifa de energia e quer barrar aumento na conta

O deputado federal Marx Beltrão, coordenador da bancada alagoana no Congresso Nacional, disse nesta quarta-feira (02) que o “aumento da conta de energia, autorizado pela Aneel, é totalmente descabido neste momento. A Aneel retomou a cobrança de taxa extra e o sistema de bandeiras tarifárias bem agora no fim do ano, e isto prejudica em muito a nossa gente que já tem sofrido tanto neste 2020 com todos efeitos da pandemia. Sem falar que esse aumento da energia com certeza vai pressionar mais a inflação. Não podemos deixar o alagoano e o brasileiro pagando mais caro por sua conta de energia elétrica”, disse o deputado.

Marx Beltrão também afirmou que no Congresso Nacional, parlamentares estão buscando medidas para barrar este aumento, e que esta luta contra o reajuste na tarifa de energia tem o seu apoio. “Estou aqui em Brasília defendendo um projeto de Decreto Legislativo que anula essa decisão. E, além disso, o argumento da Aneel de queda no nível dos reservatórios não incluiu o do Nordeste, sendo que esta cobrança adicional vale para o país todo. Este aumento é um absurdo! Tenho lutado já há muito tempo contra o péssimo serviço prestado no fornecimento de energia e os seus consecutivos reajustes. E sigo aqui firme contra o aumento da conta de luz”, reforçou Beltrão.

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) comunicou na última segunda-feira (30) que a conta de luz do mês de dezembro terá bandeira vermelha 2. Isso significa que já a partir de terça (1º), cada 100 quilowatts-hora consumidos custarão R$ 6,243 —o preço mais alto que a unidade pode ter. Em maio deste ano, a agência havia definido que a bandeira verde seria acionada até o fim de 2020 por conta da pandemia do novo coronavírus. No entanto, em reunião extraordinária, a Aneel decidiu que a queda no nível de armazenamento dos reservatórios das usinas hidrelétricas e a retomada do consumo de energia justificavam o aumento.

Criado pela Aneel, o sistema de bandeiras tarifárias funciona como uma sinalização para que o consumidor de energia elétrica conheça, mês a mês, as condições e os custos de geração no País. Quando a produção nas usinas hidrelétricas (energia mais barata) está favorável, aciona-se a bandeira verde, sem acréscimos na tarifa. Em condições ruins, podem ser acionadas as bandeiras amarela, vermelha 1 ou vermelha 2.




Botão Voltar ao topo