MAIS UM: Polícia Civil prende em São Paulo foragido suspeito de feminicídio em Arapiraca

A Polícia Civil de Alagoas, por meio da Delegacia de Homicídios de Arapiraca (DHA), coordenada pelo delegado Felipe Caldas, em uma ação conjunta com a equipe do 65°Distrito Policial de São Paulo, prendeu nesta segunda-feira (22), um homem de 46 anos que era foragido da Justiça de Alagoas, acusado de ter cometido o crime de feminicídio em 2017, na cidade do Agreste alagoano.

O comerciante foi detido durante cumprimento de mandando de prisão em São Paulo, expedido pela 5ª Vara Criminal do Foro de Arapiraca.

A vítima, Ana Paula da Silva Lima, era ex-namorada do acusado. Ela foi esfaqueada pelas costas quando participava de uma confraternização entre amigos. Ana Paula chegou a ser socorrida com vida e encaminhada ao Hospital de Emergência do Agreste, onde veio a falecer dias após, em 16 de março de 2017. A motivação do crime foi ciúmes.

De acordo com as informações policiais, o réu estava foragido havia três anos e as únicas notícias eram que o mesmo se encontrava em São Paulo.

A equipe da DHA, na época sob o comando do delegado Everton Gonçalves, iniciou um trabalho de investigação sobre homicidas de Arapiraca que se encontram foragidos e teriam como destino as cidades da capital paulista.

Em contato com o delegado José Roberto Gil, titular do 65° DP de SP, o delegado Felipe Caldas,  encmainhou o mandado de prisão preventiva do autor do feminicídio, e contando com o apoio dos policiais civis paulistas conseguiram prender o foragido.

O Juízo da 5°Vara e o Ministério Público já foram comunicados da prisão.

A equipe da DHA aproveita para reterar a importância da população em denunciar pessoas que tenham cometido crimes pelo disque denúncia 181, ou também pelo 3522-3823 da Delegacia de Homicídios de Arapiraca.A




Botão Voltar ao topo