MAIS SAÚDE! HU recebe ambulância nova com emenda do deputado Marx Beltrão; Assista!

Deputada Tereza Nelma prometeu que Hospital receberá mais uma com sua ajuda

Nesta quinta-feira (14), o Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HU) da Universidade Federal de Alagoas recebeu uma ambulância nova, resultado de emenda parlamentar do deputado federal Marx Beltrão no valor de R$187 mil. O veículo está apenas aguardando regularizar documentação junto ao Detran para começar a transportar pacientes. No momento da entrega, a deputada federal Tereza Nelma também esteve presente e prometeu que disponibilizará recursos para também doar uma ambulância para o HU.

A entrega da chave foi feita pelo deputado ao reitor Josealdo Tonholo, à vice-reitora Eliane Cavalcanti e ao superintendente do HU, Célio Rodrigues. Também estiveram presentes no momento, a deputada Tereza Nelma, o médico e gerente de Atenção à Saúde, Francisco de Assis Costa; o chefe da Divisão Administrativa Financeira, Rodolfo Ferreira; e o gerente administrativo, professor Anderson Barros.

Segundo o superintendente, o HU dispunha de apenas uma única ambulância, adquirida em 2007, mas sem mais condições de transportar pacientes. “Essa ambulância nova chegou em boa hora e nós só temos muito a agradecer o empenho e a disponibilidade do deputado Marx em nos ajudar e ajudar à sociedade alagoana. Só para se ter uma ideia, o veículo que nós temos não tem mais possibilidade de conserto porque o custo é muito alto, não tem sistema de ar condicionado, problemas de motor e de suspensão. O conserto seria mais do que o valor atual do veículo. Fazemos manutenção periódica, mas não é suficiente”, disse.

Rodrigues explica que havia duas ambulâncias alugadas para atender as demandas do HU, mas o contrato não estava mais sendo viável. “Conseguimos uma ambulância emprestada, junto a Secretaria de Saúde do Estado e isso nos ajudou bastante. Agora com essa nova, nossos pacientes vão poder ser transportados de maneira adequada e com conforto. E, agora, temos essa ótima notícia da deputada Tereza Nelma que vai nos doar um veículo novo, também por meio de emenda parlamentar”, comemorou.

Parcerias futuras

Durante a reunião no HU, Beltrão e Nelma se colocaram à disposição do Hospital e da Universidade para abraçar e colaborar com projetos importantes para a sociedade alagoana. “Como no ano passado não tivemos orçamento por conta da pandemia, este ano teremos dois anos em um. É uma boa oportunidade de a Ufal chegar junto da bancada e apresentar as propostas. Também me coloco à disposição para ajudar nos pedidos relacionados a ministérios, que não dependem de emendas”, reforçou Beltrão.

A deputada destacou como positiva a aproximação da bancada com o HU e com a Ufal. Tereza Nelma, além da ambulância que será doada para o Hospital, também montou uma casa de apoio aos pacientes oncológicos que fazem tratamento no Cacon do HU. São pessoas humildes, que moram no interior e precisam continuar o tratamento em Maceió. “A deputada Tereza é uma guerreira e tem  sido nossa grande parceira também”, reforçou Tonholo.

O reitor ressaltou que em pouco tempo de gestão, a Ufal está conseguindo fortalecer a relação de cordialidade e de cumplicidade com alguns dos integrantes da bancada alagoana. “Tomo a liberdade de agradecer publicamente a parceria de três deputados que estão conosco de mãos dadas em prol da Ufal e do HU: Marx, Tereza e Paulão. Mas também estamos sempre conversando com o deputado Severino [Pessôa] e o deputado Toledo [Sérgio] e vamos buscar mais apoio com toda nossa bancada federal. A Ufal precisa desse apoio e o estado de Alagoas também”, registrou Tonholo.

E completou: Nossa preocupação é outra. É chegar num quantitativo de atendimento que atenda os nossos preceitos de universalidade de formação, de educação, mas, sobretudo, de assistência à nossa população. Temos estrutura física no HU, mas não dispomos de pessoal para ampliar nosso atendimento”.

A vice-reitora e o superintendente reforçaram que o HU tem condições de atender a mais pessoas no serviço de oncologia e nefrologia e de abrir mais leitos, mas, para isso, precisa da contratação de pessoal.

Assista:

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!