Irmãs cavam terreno por oito anos deixando casa ilhada

Um caso inusitado registrado no bairro do Benedito Bentes, na parte alta de Maceió, chamou a atenção e mobilizou as autoridades municipais esta semana. Duas idosas, que são irmãs, foram resgatadas após elas escavarem todo o terreno ao redor da residência onde vivem por cerca de oito anos.

Juntas, as duas senhoras – que possivelmente sofrem de algum transtorno psiquiátrico – utilizaram uma colher de pedreiro para escavar todo o terreno no entorno da casa. O caso foi denunciado pelo vereador Siderlane Mendonça (PEN), que acionou a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), que foi até o local.

Maria Rita, 76 anos, e Maria José, idade não informada, utilizaram uma escada para sair da residência propriamente dita. Elas faziam o trabalho de escavação todos os dias, chamando a atenção de vizinhos. De tanto cavarem, o alicerce da casa ficou exposto a uma altura de mais de um metro da base.

Segundo a Secretaria Municipal de Assistência Social de Maceió, técnicos realizaram uma visita às idosas nessa segunda (8), por meio do Creas. Uma equipe de Saúde Mental da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também foi acionada ao local e integrantes do Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Noraci Pedrosa farão uma visita às duas mulheres nesta quarta-feira (10).

As irmãs foram foram retiradas do imóvel por familiares, que alugaram uma nova casa para elas morarem.

Risco às casas vizinhas

A Defesa Civil também esteve na casa, de número 16 na rua A, no Benedito Bentes, e após vistoria recomendou o aterro da área para evitar danos nas edificações vizinhas.

09/07/2019

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *