Hospital do Alto Sertão será entregue em cinco meses, afirma Renan Filho

O governador Renan Filho inspecionou, na manhã desta quarta-feira (27), as obras do Hospital Regional do Alto Sertão, em Delmiro Gouveia. Com 79% dos serviços executados, o equipamento de saúde deve ser entregue à população dentro de cinco meses, anunciou o chefe do Executivo estadual.

“Eu espero nos próximos cinco meses entregar o hospital funcionando para o povo sertanejo, especialmente do Alto Sertão de Alagoas. Esse será um equipamento fundamental para o desenvolvimento dessa região e para a estruturação dos serviços públicos por aqui”, afirmou Renan Filho.

A prefeita de Delmiro Gouveia, Ziane Costa, acompanhou o governador durante a visita ao Hospital Regional do Alto Sertão, juntamente com vereadores e outros prefeitos de municípios da região.

“O que a população mais espera é a entrega do hospital. Sabemos que já estão garantidos os equipamentos. Trata-se de uma obra de fundamental importância para toda a nossa região”, afirmou Ziane Costa.

O Hospital Regional do Alto Sertão vai atender oito municípios da região. Está orçado em R$ 32,8 milhões e será referência no atendimento à população sertaneja. As obras de construção empregam, atualmente, 180 operários. Quando estiver pronto, em funcionamento, o hospital vai gerar cerca de 800 empregos, a maioria na área da saúde.

Em outra frente, a nova unidade vai colaborar, decisivamente, na diminuição do grande fluxo de pacientes atendidos no Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca, e no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió.

O Hospital Regional do Alto Sertão terá capacidade para realizar 7.763 consultas e 7 mil exames de diagnóstico por mês. Além da população de Delmiro Gouveia, a unidade atenderá os habitantes que residem nas cidades de Piranhas, Inhapi, Água Branca, Olho D’Água do Casado, Mata Grande, Canapi e Pariconha, beneficiando uma população de 171.204 pessoas.

Numa área de 3,3 hectares, o Hospital Regional do Alto Sertão terá 123 leitos, assim distribuídos: Centro de Parto Normal (03), UTI adulto (10), UCI convencional (07), Unidade Semi-Intensiva (03), internação gineco-obstétrica, pediatria, clínica e cirúrgica (90) e UTI pediátrica (10).

O Governo do Estado já entregou quatro hospitais em Alagoas, que já se encontram em funcionamento: Hospital da Mulher e Metropolitano, em Maceió; Regional do Norte, em Porto Calvo; e Regional da Mata, em União dos Palmares. Além do Regional do Alto Sertão, outros dois hospitais estão sendo edificados na capital: o da Criança e o do Coração.

“Esse (Regional do Alto Sertão) já será o quinto hospital que vamos entregar, todos os outros quatro estão funcionando e salvando milhares de vidas na pandemia”, ressaltou Renan Filho.

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo
error: Conteúdo protegido!