HGE notifica 658 novos atendimentos no fim de semana

Mais um fim de semana movimentado no Hospital Geral do Estado (HGE). Foram 658 novos atendimentos, incluindo 104 da Central de Triagem localizada no Ginásio do Sesi, sendo 349 casos clínicos, 188 acidentes, 16 agressões e uma tentativa de suicídio. Só os acidentes de trânsito foram 59, e 30 envolveram motociclistas.

Davi Nascimento Santana, de 26 anos, é um dos que estão na maior unidade de urgência e emergência de Alagoas recebendo os cuidados da equipe multidisciplinar devido à queda de moto. Segundo a versão relatada, ele pilotava o seu veículo no Jacintinho, em Maceió, quando, durante a ultrapassagem, o carro da frente decidiu entrar à esquerda sem sinalizar.

“Foi de repente, não tive o que fazer. Fui arremessado até o meio fio, onde fraturei minha perna direita. Sensação horrível! Primeiro acidente que sofri pilotando a moto. O motorista do carro parou, chamou o Samu [Serviço de Atendimento Móvel de Urgência], que me trouxe para o HGE. Agora é esperar me recuperar para poder voltar a trabalhar”, disse Davi, que sustenta dois filhos com a renda como mototáxi.

O mototaxista recebeu o primeiro atendimento na Área Vermelha Trauma, submetido a exames de imagem e avaliado pelos médicos ortopedista, cirurgião geral e cirurgião vascular. Entretanto, o cirurgião-geral Álvaro Bulhões lamenta que, pela falta de consciência sobre a prevenção de acidentes, o HGE ainda registre um grande número de motociclistas na emergência.

“Uso de celular durante a direção, consumo de bebidas alcóolicas antes de dirigir, desatenção nas vias, não utilização de equipamentos de proteção, velocidade acima da permitida e outros desrespeitos às normas do trânsito. São posturas evitáveis que resultam no aumento de acidentados nos prontos socorros”, citou o médico.

Também nesse último fim de semana foram realizadas 423 altas médicas, 109 internações, 37 transferências e 45 cirurgias. Na Central de Triagem situada no Ginásio do Sesi, dos 85 testes aplicados, cinco confirmaram o contágio com o novo coronavírus. E, conforme relatório da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), 10% dos leitos intermediário exclusivos para Covid-19 estiveram ocupados.

Sexta-feira – O HGE notificou 365 atendimentos, sendo 212 casos clínicos, 83 acidentes, 64 na Central de Triagem do Ginásio do Sesi, três agressões, duas queimaduras e uma tentativa de suicídio. A unidade também efetuou 211 altas médicas, 68 internações, 29 transferências e 24 cirurgias.




Botão Voltar ao topo