“Greve da Educação” se transforma em ato “Lula Livre”


A greve da educação convocada pela esquerda acabou se transformando nada menos que uma manifestação Lula Livre. Diversas imagens publicadas nas redes sociais mostram manifestantes apoiando a soltura do ex-presidente Lula. Tais atos contam com apoio de centrais sindicais e movimentos de esquerda como, por exemplo, a CUT – Central Única dos Trabalhadores e o MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. Além disso, a manifestação também conta com apoio de partidos políticos da esquerda e extrema esquerda – PCdoB, PSOL e PT.