Governo destinará R$ 829 milhões para projetos de saneamento básico por todo o país

O Ministério do Desenvolvimento Regional liberará R$ 829,8 milhões para a continuidade de obras de saneamento básico em todo o Brasil. Ao todo, serão beneficiados 236 projetos em 204 municípios do Acre, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins, além do Distrito Federal.

Foram contempladas iniciativas de abastecimento de água, esgotamento sanitário, manejo de águas pluviais e de saneamento integrado. A projeção é que 10,4 milhões de pessoas sejam beneficiadas por essas obras. Além disso, serão gerados ou mantidos 567,8 mil empregos.

“São recursos expressivos que vão permitir a continuidade de centenas de obras, garantir melhores condições de vida e de higiene para uma parcela significativa da população e, ainda, gerar milhares de empregos”, destacou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. “Estamos seguindo a orientação dada pelo Presidente Jair Bolsonaro de não deixarmos obras paralisadas”, completou.

O maior volume de repasses será destinado ao estado de São Paulo, que receberá R$ 201,8 milhões. O aporte garantirá a continuidade de 44 obras em 30 municípios. No estado, serão beneficiadas mais de 2,4 milhões de pessoas e mais de 119,6 mil empregos serão gerados ou mantidos.




Botão Voltar ao topo