Empresários do ramo de comunicação processam vereador de Maceió por calúnia

Fernado CPI e Raudrin de Lima entram na justiça para vereador reparar o dano

Os empresários do ramo de comunicação e dirigentes de entidades de combate a corrupção, MCCE-AL e Caras Pintadas, Raudrin de Lima e Fernando CPI, deram entrada com queixa crime com ação indenizatória, contra o Vereador por Maceió Francisco Sales. O Vereador antes das eleições gravou vídeo difamatório contra os empresários e ativistas políticos.

“Francisco Sales vai ter que provar o que falou, pois temos uma vida ilibada com relevantes serviços prestados na luta contra a corrupção no estado de Alagoas”, desabafa Fernando Cpi. ” A coragem cívica são pra poucos, isso temos de sobra, não iremos admitir que nosso nome seja maculado por pessoas que não respeitam a liberdade de expressão”, conclui Raudrin de Lima. Os advogados Diego Carvalho Teixeira e Diego Marcus C. Mousinho deram entrada com as petições para reparar os danos causados aos empresários e ativistas políticos, por supostos crimes de calúnia, difamação e calúnia, praticados pelo Vereador Francisco Sales em vídeo nas redes sociais.




Botão Voltar ao topo