ECONOMIA: vendas aumentaram 12,6% em julho comparadas ao mesmo período do ano anterior

No mês de julho, as vendas, tanto em valor como em quantidade de notas emitidas, cresceram 12,6% em todas as regiões brasileiras se comparadas com o mesmo mês de 2019. Os resultados foram divulgados pela Receita Federal, no Boletim Impactos da Covid-19, que monitora as vendas captadas com as Notas Fiscais Eletrônicas (NFe).

A média diária de vendas atingiu, no mês passado, R$ 25,8 bilhões. É o maior patamar deste ano. Indústria e Comércio foram os destaques. Em relação a junho de 2020, as vendas registraram um aumento 7,3%.

Os dados mostram uma recuperação progressiva das vendas no país. A média de vendas semanais em maio, junho e julho superou em 9% a média de vendas semanais do primeiro trimestre.

“As semanas de julho tiveram vendas superiores a R$ 161 bilhões e registram o pico de R$ 205 bilhões na última semana do mês. A média de vendas semanais dos últimos três meses (maio, junho e julho) supera em 9% a média de vendas semanais do primeiro trimestre. As quantidades de notas fiscais eletrônicas emitidas permanecem em ascensão e superam as dos primeiros meses do ano”, afirma boletim da Receita Federal.

O movimento agregado das NFe capta, principalmente, as vendas entre empresas de médio e grande porte, bem como as vendas não presenciais de empresas para pessoas físicas.

Indústria e Comércio são destaques

A indústria obteve o melhor desempenho de vendas deste ano em julho. A média diária registrou R$ 13,3 bilhões, um aumento de 7,5% em relação a julho de 2019 e de 7,3% em relação a junho deste ano.

Já em relação ao comércio, a média diária de vendas foi de R$ 9,8 bilhões, um aumento de 7,2% em relação ao mês anterior. “O comércio apurou as maiores vendas em julho de 2020”, aponta boletim da Receita Federal. “Parte desse movimento deve-se ao comércio atacadista, que registrou R$ 6,9 bilhões na média diária de vendas (aumento de 6,5% em relação ao mês anterior)”.

Já o comércio eletrônico mostrou níveis de vendas semelhantes aos de junho de 2020, quando ocorreu o melhor desempenho deste ano. As vendas superam julho de 2019 em 55,5%.

Vendas por Região

Na região Norte, o ritmo de vendas está em crescente evolução. Em julho, na comparação com o mesmo mês do ano anterior, a média diária de vendas apresentou aumento de 13,2%.

Já o Nordeste mostra recuperação a partir de maio. Em relação a junho deste ano, julho mostra crescimento de 9,8% na média diária.

Na região Centro-Oeste, a média diária de vendas em julho de 2020 foi superior à de 2019 em 24,7%. Na comparação com o mês anterior, as vendas no mês de julho apresentaram uma redução de 2,3%.

No Sudeste, a média diária de vendas está evoluindo desde maio, tendo aumento de 9,3% em julho na comparação com o mês anterior.

Na região Sul, na comparação com o mesmo mês do ano de 2019, o desempenho a partir de junho supera a média do ano anterior, com aumento de 12,8% em julho.




Botão Voltar ao topo