Deic prende foragido da Justiça acusado de matar ex-esposa

Policiais civis da Seção de Capturas da DEIC (Divisão Especial de Investigação e Capturas), sob a coordenação do delegado Gustavo Henrique, prenderam nesta sexta-feira (8) um homem de 52 anos por ter assassinado a ex-esposa. Ele foi preso no bairro do Tabuleiro do Martins, em Maceió.

De acordo com a investigação da Polícia Civil o crime foi motivado por ciúmes, em virtude de a vítima estar tendo um relacionamento com outro homem. Ela foi morta no dia 1º de outubro de 2006, com vários golpes de faca, na praia da Avenida, na capital alagoana.

“Destaca-se inclusive que a vítima havia registrado um Boletim de Ocorrência (BO), contra o acusado, na Delegacia de Defesa dos Direitos da Mulher no dia 31 de outubro de 2003. “O motivo foi o fato dela ser agredida com frequência e ser ameaçada por ele, que já havia tentado agredir a mesma a faca em outra ocasião”, revelou o delegado.

O diretor da DEIC disse que em 9 de dezembro de 2020, a unidade Especializada recebeu o mandado de prisão preventiva, que foi expedido no dia 11 de novembro de 2015 contra o acusado, pela 7ª Vara Criminal da Capital. “A partir daí agentes da Seção de Capturas procederam a diversas diligências até conseguirem localizar e prender o foragido”, frisou.

“Enalteço mais este belo trabalho realizado pelos investigadores da Seção de Capturas da Especializada, pois retirou de circulação um individuo acusado da prática de crime bárbaro que se encontrava foragido há mais de cinco anos”, concluiu o delegado Gustavo Henrique, diretor da DEIC.

Após a captura o preso foi levado para a sede da DEIC, no bairro da Santa Amélia, onde foi formalizado o cumprimento do mandado de prisão e, após, encaminhado para o sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.




Botão Voltar ao topo