DE ALAGOAS PARA O BRASIL! Produção em novas realidades

A reportagem de capa da edição de junho da revista A Granja aborda novos cenários da produção de grãos em estados do Norte e do Nordeste do Brasil. Um dos exemplos de empreendedores que estão tornando possível desbravar essas novas fronteiras é o personagem da capa, Everaldo Tenório.

Em Alagoas, ele é conhecido como um tradicional produtor de cana-de-açúcar. Mas há seis anos, resolveu investir também na soja. Nesta safra, são 500 hectares que foram plantados em maio, em um calendário diferente dos estados que mais cultivam o grão no País. Em Roraima, onde está o produtor Alcione Nicoletti, a lavoura também foi semeada no mês passado. Por lá, muitas propriedades estão localizadas no Hemisfério Norte, em uma agenda de plantio e colheita semelhante a dos Estados Unidos.

Além de histórias como estas, a reportagem d’A Granja apresenta as potencialidades e os desafios para a incorporação e diversificação de atividades nessas novas paisagens. O pesquisador Antonio Santiago, da Embrapa Tabuleiros Costeiros, revela que a região que ficou conhecida como Sealba – formada por áreas em Sergipe, Alagoas e Bahia – poderá, no futuro, ser fornecedora de sementes de soja de qualidade. “A região não deve ser uma nova fronteira como o Matopiba, mas pode representar um nicho para a produção de sementes. Podemos fornecer para o Centro-Sul e o Matopiba, que iniciam o plantio depois que nós colhemos. A vantagem é poder ofertar ao mercado um insumo que ficará estocado por pouco tempo”, destaca.

Fonte: A Granja




Botão Voltar ao topo