Confúcio defende acesso a celulares e internet para estudantes pobres

Em pronunciamento nesta terça-feira (22), o senador Confúcio Moura (MDB-RO) ressaltou que a pandemia deixou evidentes as desigualdade do país no que se refere à educação básica e ao acesso à tecnologia. E, por isso, defendeu a oferta de celulares e internet para os alunos mais pobres.

— Há meninos que têm celulares de última geração, computadores e internet muito boa. Mas há outra parte da população que não tem essas coisas. Há regiões em que a internet cai toda hora e é impossível assistir a uma aula [on-line] inteira. Está desigual — declarou ele.

O senador afirmou que é preciso entrar na fase da “refundação” ou “reconstrução” da educação. Com esse objetivo, argumentou ele, é necessário “colocar no Orçamento deste ano dinheiro para ciência e tecnologia; dinheiro para levar internet para todo o país, para os rincões”.

— Nós temos que dar um jeito de oferecer celulares e internet para as crianças que não os têm. Uma internet de valor acessível para as camadas pobres da população.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo