Comissão debate qualidade da telefonia móvel na região Norte

Raphael Alves/Amazônia Real
Cidades - infraestrutura - ribeirinhos - população ribeirinha - amazonas - palafitas - casa flutuante Amazonas convive com a possibilidade de uma forte enchente de seus rios.
Audiência vai debater a comunicação precária na região amazônica

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados realiza audiência pública nesta quarta-feira (8) sobre a qualidade de serviços de telefonia celular na região Norte. O debate será realizado às 17 horas, em local a ser definido.

O deputado Delegado Pablo (PSL-AM), um dos autores do pedido de audiência,  disse que a competitividade entre as operadoras de celular no interior do Amazonas ainda é baixa, tornando a comunicação com a população extremamente precária.

“A dificuldade de acesso às regiões torna a comunicação essencial para que a população não só do Amazonas, mas de outros estados da região Norte como Acre, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, não sofram com situações precárias relacionadas à ajuda humanitária”, disse o deputado.

Debatedores
Confirmaram presença na audiência:

  • a diretora do Departamento de Política Setorial, da Secretaria de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Nathalia Almeida de Souza Lobo;
  • o coordenador-geral de Estudos e Monitoramento de Mercado da Secretaria Nacional do Consumidor, Frederico Moesch;
  • o coordenador de Estudos de Condutas Anticompetitivas do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), Ricardo Medeiros de Castro;
  • a superintendente de Relações com Consumidores da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Elisa Vieira Leonel;
  • o coordenador do Programa de Telecomunicações e Direitos Digitais do
    Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor, Diogo Moyses;
  • o diretor de Relações Institucionais da Operadora Telefónica/Vivo, Enylson Camolesi;
  • o gerente de Relações Institucionais da Operadora Oi, Helton Rocha Posseti;
  •  o diretor de Relações Institucionais da Operadora TIM, Leandro Guerra; e
  • o vice-presidente de Relações Institucionais da Operadora Claro, Fábio Andrade.
Jornal Rede Repórter - Click e confira!




Botão Voltar ao topo