Cisp de Igaci corre risco de explosão

Local armazena 300L de álcool e 30 kg de pólvora

A diretoria do Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol/AL) em visita ao Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) do município de Igaci, flagrou na terça-feira (03), risco iminente de explosão do local, que armazena 300 litros de álcool em gel e mais 30 quilos de pólvoras apreendidos, durante operações policiais.

De acordo com a denúncia do Sindpol, os materiais estão sendo mantidos no local, de forma precária.

Segundo o presidente da entidade, Ricardo Nazário, a população da cidade e os policiais civis correm risco de morte com os materiais altamente inflamáveis, podendo, ainda, ocorrer uma explosão a qualquer momento. “O Governo do Estado trata a vida dos policiais civis e da população com total descaso”, disse.

Além disso, o Sindpol também denuncia que as paredes do CISP estão se desprendendo, podendo cair a qualquer momento. E que o muro e também apresentam graves rachaduras. “Isso é irresponsabilidade do Governo do Estado. É necessária a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar os desperdícios e as licitações desses CISPs”, orientou o presidente do Sindpol.




Botão Voltar ao topo