Canapi participa de encerramento dos lixões dos municípios do alto Sertão

O Prefeito Vinícius Lima participou no dia de hoje (3) do ato que selou o encerramento dos chamados “Lixões” em oito municípios do alto Sertão, marcando oficialmente o fechamento definitivo dos lixões de Canapi, Mata Grande, Inhapi e Água Branca. Na sequência, serão encerrados os das cidades de Pariconha, Delmiro Gouveia, Olho d’Água do Casado e, por fim, Piranhas.

O evento fez parte da agenda proposta pelo Ministério Público do Estado de Alagoas, por meio da Procuradoria-Geral de Justiça, do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça (CAOP) e do Núcleo de Defesa do Meio Ambiente do MPE/AL, cuja missão é oficializar o fechamento dos lixões em oito municípios sertanejos, o que já vem acontecendo gradativamente seguindo o acordo de não persecução penal proposto pelo Dr. Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, Procurador-Geral de Justiça de Alagoas. Em sua fala aos presentes, Dr. Alfredo Gaspar destacou que, em Canapi, há um jovem comprometido com a cidade e sua gente, referindo-se à atuação de Vinícius Lima à frente da gestão municipal.

O promotor de Canapi, Inhapi e Mata Grande, Fábio Bastos Nunes, acompanhou as atividades de encerramento, que contaram com a participação do Prefeito Vinícius Lima e dos Prefeitos de Delmiro Gouveia, Padre Eraldo, Mata Grande, Franklin Lou, do diretor do IMA, Gustavo Lopes e do Secretário Estadual de Recursos Hídricos, Alexandre Ayres.

Vinícius Lima destacou a importância do encerramento dos Lixões, afirmando que “nós, Prefeitos, estamos cumprindo o que determina a legislação ambiental. Encerrando os Lixões, a gente vai incentivar o descarte correto do lixo, oportunizando o surgimento de Cooperativas para o tratamento adequado, além de estarmos cuidando do meio ambiente e da saúde dos moradores, pois vamos manter o meio ambiente saudável e equilibrado, proporcionando mais saúde e bem-estar. Se vai ser bom para Canapi, a gente abraça a causa e vai trabalhar muito para que seja uma experiência exitosa para todos”, enfatizou.

Por: Ascom

 




Botão Voltar ao topo
Hide picture