Branquinha: Nem sempre o novo é o bom

Na pacata cidade de Branquinha, zona da mata Alagoana. A cidade parece viver o maior descontrole administrativo de sua história.
O Jovem prefeito, Jairon Maia Fernandes Neto(PSDB), Jairinho como é conhecido, não tem conseguido dar respostas positivas a população, são diversos erros primários que seguem: Folha de pagamento, pessoas contratadas sem formação para exercer cargos importantes e por aí vai os desastres.
Com o descontrole da gestão do neto do grande Jairon Maia Fernandes, ex-presidente do tribunal de justiça de Alagoas, vários secretários já deixaram os cargos, Saúde, Educação e Assistência social até o momento.
Populares afirmam que isso se dá pela “Arenga” interna entre a família do jovem prefeito, é a velha história de quem manda mais. Outros dizem na cidade que o melhor cabo eleitoral do possível candidato nas próximas, o Ex-Prefeito Neno Freitas. É Jairinho, não pelo que está fazendo, e sim pelo que não sabe fazer.
Informações dão conta também que o pai do Jovem prefeito, Dr. Carlos Eduardo Baltar Maia(Dr. Dadado), anda preocupado com a situação.
Tomara que a cidade ribeirinha não desenvolva como a calda dos cavalos da fazenda Guabiraba e da Branca dos Tavares.
09/06/2017

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *