Audiência pública vai discutir abertura de vias do Corredor Vera Arruda

Debate está programado para acontecer no dia 25, a partir das 9h, na sede da Câmara

Uma audiência pública marcada em sessão ordinária desta quarta-feira (12) para o próximo dia 25, na Câmara Municipal de Maceió, vai debater projeto da Prefeitura de Maceió para abertura de vias públicas no Corredor Vera Arruda, no Stella Maris Inicialmente, o assunto seria discutido nesta quinta-feira (13) quando, por meio de proposição do vereador Cléber Costa (Progressista), representantes da Associação Comunitária de Moradores do local seriam ouvidos no plenário após a realização dos trabalhos legislativos do dia.

Porém, o parlamentar ouviu colegas sobre a relevância do tema e, por isso, a necessidade de debatê-lo de forma mais ampla com autoridades e os moradores do local que são contra a abertura das vias, como explica Cléber Costa.

“Fui procurado por moradores lá do Vera Arruda que pediram espaço aqui na Câmara para apresentarem as alegações de serem contrários às mudanças físicas nas ruas do Corredor. Como o assunto é importante e mexe com a vida de muitas famílias, creio que é justo que essa Casa faça sua parte de intermediar o assunto, trazendo para o Legislativo todos os interessados para que, em audiência pública, possamos conhecer o projeto e tudo que o envolve”, declarou o vereador do Progressistas.

De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet), o Vera Arruda passa por obras de revitalização, dividas em sete trechos, que estão sendo dotados de iluminação, parque infantil e pista para exercícios físicos, por exemplo. A abertura de vias, que corresponde aos trechos 3 e 4, consta do projeto, mas ainda estão sem recursos para ser postos em prática.

“O objetivo é criar interligação, por meio de rotatórias, que vão da Avenida Álvaro Calheiros a Pajuçara, em via de mão única, que lá no Vera Arruda teria a velocidade diminuída, tendo em vista que colocaríamos redutores para isso, além de lombadas altas que vão forçar os veículos a passarem devagar. Vale dizer que, quando criado, o local era para casas. Porém, os próprios moradores aceitaram a construção de prédios e isso aumentou consideravelmente o fluxo de carros. Todavia, o projeto não será imposto. A Prefeitura está aberta para discuti-lo com a comunidade”, explicou o secretário adjunto da Sedet, Tássio Rodrigues.

A Defensoria Pública do Estado também tomou parte na questão e expediu recomendação para que as obras fossem paralisadas, exatamente no que diz respeito à abertura da via. A audiência pública será, portanto, a oportunidade para se discutir todas essas questões.

ORDEM DO DIA – Além do Vera Arruda, os vereadores deliberaram sobre a aprovação de outras iniciativas dos parlamentares como solicitação ao Executivo para que instale luminárias em LED nos bairros Fernão Velho e Rio Novo, proposta por Beto da Farmácia (PROS), assim como que o município coloque forro de PVC no pátio da Creche Lêda Collor, no Osman Loureiro, também do vereador do PROS.

Simone Andrade (DEM) pede ao Executivo que abra via de acesso da Avenida Josefa de Melo, através de um terreno baldio que fica no bairro do São Jorge, e implantação de redutores de velocidade no cruzamento da Avenida Cel. Salustiano Sarmento com a Rua Cel. Precilliano Sarmento, ambos no São Jorge.

Na área de limpeza pública, a vereadora Ana Hora (PSD) solicita à Prefeitura a instalação imediata de contêineres para depósito de lixo e ação educativa na cidade, presença de agentes de limpeza em local específico da Orla Lagunar.

Os parlamentares Luciano Marinho (Podemos) e Siderlane Mendonça (PEN) tiveram requerimentos aprovados para entrega de comendas. Marinho vai entregar a Comenda Pastor José Antônio dos Santos a Frank da Silva Guimarães e Siderlane a Comenda Zumbi dos Palmares a Fernando Antônio Menezes Tavares, conhecido no mundo da capoeira como Mestre Fernando Ventania.

Artigos relacionados