Após ter a casa incendida pelo ex-marido, internautas criam vaquinha para ajudar vendedora

O ex-marido da Samara botou fogo na casa da vendedora de semijoias, que precisou sair correndo com seu bebê de apenas 8 meses no colo. O agressor não aceitava o fim do relacionamento.

No momento do crime, segundo Samara, ele estava embriagado e ainda a agrediu, colocando a vida dela e do bebê em risco. Era dia 2 de novembro de 2019, em Teresina (PI).

“Ele ainda tentou pegar o meu filho do colo, mas eu não deixei. Quando saí de casa, ele trancou a porta sorrindo e tacou fogo.”

A casa era a maior conquista dela, mas ela perdeu tudo, tudo o que construiu com muita dificuldade: móveis, roupas, fraldas, comida, sobrou nada, tudo virou cinza!

O homem foi preso em flagrante, mas logo depois foi solto.

Samara tem mais 4 filhos, além do bebê.
Samara está em medida protetiva e as visitas do pai da criança estão suspensas.

Além do bebê, hoje com 1 aninho, Samara é mãe de mais 4 filhos, de 13, 10, 6 e 4 anos.

“A casa tá do mesmo jeito, com as paredes pretas”
A casa, ou pelo menos o que restou dela, está do mesmo jeito que Samara deixou: toda preta, sem forro, energia e água.

Samara está desempregada, não tem condições de pagar alguém pra fazer a reforma.

Por isso, decidiu reconstruir a casa por conta própria!

“Com ajuda de alguns amigos e sem experiência nenhuma, vou reformar a minha casa e nada vai me impedir.”

Razões para Acreditar




Botão Voltar ao topo
Fechar