Advogado é assassinado na frente do sócio na Ponta Verde

Criminosos conseguiram fugir levando pertences das vítimas

Nesta terça-feira (03), o advogado José Fernando Cabral de Lima, de 51 anos, foi assassinado no escritório em que trabalhava, no bairro da Ponta Verde. O crime aconteceu na frente do sócio.

Segundo a polícia, dois homens teriam chegado numa motocicleta e rendido o vigilante, que teve o celular tomado. Em seguida, os criminos teriam entrado no escritório e rendido  os advogados, que ficaram de joelhos.

Após questionar se as vítimas tinham dinheiro, um deles, que apontava uma arma para a cabeça de José Fernando, e aparentava nervosismo, acabou por atirar. A bala atingiu o ouvido do advogado, que veio a óbito antes de receber socorro. Os bandidos conseguiram fugir levando pertences das vítimas.

Pelo relato do que aconteceu, uma das linhas de investigação é o crime de latrocínio (roubo seguido de morte). A polícia solicitou imagens do sistema de segurança da galeria onde ficava o escritório dos advogados e de prédios do entorno.

Dryenne Felix*

Estagiária de Jornalismo - UNIT

Artigos relacionados