SEM NOÇÃO! Pré-candidato a prefeito de Santana do Ipanema xinga comunicador em live

“Perereca Show” teve sua integridade moral ferida e a profissão menosprezada por Edson Magalhães

Édson Magalhães em live

O pré-candidato à Prefeitura do município de Santana do Ipanema, Édson Magalhães, usou o momento em que fazia uma transmissão ao vivo em sua rede social para denegrir a imagem do comunicador Edvaldo Pereira, conhecido como “Perereca Show”. Diversos adjetivos pejorativos foram atribuídos à vítima, que também teve sua profissão menosprezada.

“Perereca Show”, que é conhecido nos meios político e artístico pela sua atuação na apresentação de eventos, participou, na última terça-feira (12), da live e fez um comentário alertando Magalhães de que o momento não era apropriado para falar de política por conta da pandemia do novo coronavírus. Ele acabou sendo ridicularizado pelo pré-candidato.

“Só vem aqui de penetra em época de festa. Use seu nome de batismo que isso não é nome de gente. Nunca deixamos de ter puxa saco, balança, aqueles que é marreco, ganso, é igual a esse cidadão”, disse.

Ele foi além e menosprezou a profissão do locutor. “Vem aqui pra fazer cinco minutos de puxasaquismo de prefeito ou de deputado na época de festa. Não sei se ganha ou vem de graça porque tem puxa saco que faz questão de dar a feira pra poder puxar o saco de determinadas pessoas que se intitulam poderosas”.

A tensão maior da transmissão ao vivo, que era acompanhada por diversas pessoas, foi quando Édson Magalhães atribuiu adjetivos que ferem a honra e a dignidade de qualquer cidadão. “Tem meia dúzia de moleque, de safado, que gosta de puxar o saco, gosta de balançar. Não nasci pra ser puxa saco, é o que esse cidadão é”, finalizou Magalhães pedindo para que o prefeito desse um cargo de servente de pedreiro para “Perereca” trabalhar no município.

“Perereca Show” é respeitado no ramo de entretenimento e já foi reconhecido por diversos artistas de renome nacional – como Wesley Safadão e Xand Aviões – como “o melhor locutor do Brasil”. Ele também atua como mestre de cerimônias do Governo de Alagoas e em eventos políticos pelo país.

Procurado pela redação do 7segundos, o comunicador confirmou as ofensas sofridas por parte do politico santanense, no entanto, orientado por seu advogado, não quis comentar o episódio, e garantiu que as medidas legais cabíveis já estão sendo providenciadas.

A reportagem tentou contato telefônico com Edson Magalhães, mas ele não atendeu ou retornou nossas ligações.

Por Berg Morais.


Botão Voltar ao topo
Fechar