Grande rede hoteleira de Portugal, Vila Galé chega a Alagoas

Uma das forças da economia portuguesa, são as grandes redes hoteleiras, que saíram de lá para ganhar o mundo, Brasil incluído. Com a operação entre Maceió e Lisboa, via Tap, três vezes por semana a partir de junho, é certo que as cadeias de Portugal vão olhar para Alagoas como oportunidade. O primeiro da fila foi a Vila Galé, que já tem mapeada uma região no Estado esperando apenas que o governo cumpra a sua parte no incentivo fiscal para os hotéis.

O secretário de Turismo de Alagoas, Rafael Brito, conta a novidade e dá como certa a chegada da rede portuguesa. Ele busca mais oportunidades para estado, com outras redes e, especialmente, com a ampliação da malha aérea. “Além do voo da Tap, estamos focados em mais ligações com a Argentina e com mercados emissores brasileiros”, afirma. Segundo ele, esse é um momento em que Alagoas amadurece como destino, investindo em infraestrutura, aeroportos, estradas (como os 9km asfaltados até a Serra da Barriga, segurança etc.

“Agora vamos promover o primeiro voo regular para a Europa da história de Alagoas”, celebra Brito. A secretaria está ao lado da Tap divulgando na Europa a nova operação, que começa em 12 de junho. “Mario Carvalho tem sido um parceiro”, conta, referindo-se ao diretor da Tap para a América do Sul. “Vamos nos promover junto a Portugal, Itália, Espanha, Alemanha e França, nesta ordem de importância”, conta o secretário, que está na Fitur e deve participar também da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, que acontece na capital portuguesa em março.

28/01/2020


Botão Voltar ao topo
Fechar